Domingo, 20 de Março de 2011

Cansaço

Sinto-me cansada. O corpo já não consegue acompanhar o desejo de fazer, o tempo é demasiado pequeno para que consiga descansar e actuar. A peça de teatro em que a minha vida é representada encontra-se anémica e desfalecida.

 

Pesa-me cada passo que dou. Cada actuação equivale à necessidade de descansar o dobro. Onde vou encontrar tempo para tudo? Não há. Neste momento ou opto por hibernar e cair numa vida mecânica ditada pelo dever ou obrigo o corpo a mexer para não perder nada de cada dia. Mesmo que opte pela segunda opção rapidamente entro num ponto de ruptura em que se não sou capaz de continuar mais e preciso de carregar no botão de pausa.

 

Esta situação deixa-me frustrada. Já foram várias as ocasiões em que deixei de aproveitar o meu escasso tempo livre porque a necessidade de repouso do meu corpo sobrepôs-se Confesso que isto me preocupa um pouco. Será normal ou algo de errado se passa comigo?

 

Publicado por ascertezasdasincertezas às 20:04
link do post | Comentar | favorito
|
3 comentários:
De Luis a 31 de Março de 2011 às 22:25
Nossa, estamos na mesma fase embora possivelmente seja um pouco mais novo que você. A felicidade da adrenalina!! quanto tempo não sinto isso
De PaperLife a 20 de Março de 2011 às 20:21
Por vezes só temos de parar, respirar fundo e erguer a cabeça de novo :)
De ascertezasdasincertezas a 21 de Março de 2011 às 14:40
Obrigada pelo conselho. Vou tentar =)

Comentar post

E eu sou assim...


ver perfil

seguir perfil

. 144 seguidores

pesquisar

Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Inconstâncias recentes

Sentimentos Revoltos

Reflexões Matinais

Palavras Perdidas

Futuro

Contos de Fadas

Pequena Colaboração

Recordações únicas

Cansaço

Sem palavras

Inconstâncias armazenadas

tags

todas as tags

eXTReMe Tracker
blogs SAPO

subscrever feeds